Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O espaço das pequenas coisas

O espaço das pequenas coisas

02
Ago20

Para o meu amor

meu amor.jpg

Que o meu amor seja
Fogueira quente no inverno
E brisa refrescante no Verão
Folhas secas no Outono
Andorinha na Primavera.

Que o meu amor seja
Bacalhau na tua boca
Ou melão na tua boca
Ou todas os frutos que amas
E as comidas que devoras num segundo.

Que o meu amor seja
Uma página dos livros que te ofereço
Para durar uma eternidade
Para existir devagar
Para percorrer a tua mente
Para vaguear no teu coração.

Que o meu amor seja
Um pedaço de arco-íris
Que atravessa a tua íris
E percorre todo o teu olho
E vai no teu nervo óptico
Entrando pelo teu cérebro
Conhecendo os teus sonhos
E por lá fica a admirá-los.

Que o meu amor seja
Sempre a tua casa
O teu porto de abrigo
O teu conforto
O teu colo
Teu lar.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Sigam-me

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub